Que tal montar sua loja virtual de graça com a ajuda do SEBRAE e Mercado Livre?

downloadEstamos em 2014 e quem sabe empreender na web pode ser um dos seus planos para esse novo ano.

Na verdade, ter uma loja virtual para o pequeno empresário não é tão difícil, apesar de que por outro lado, ter um negócio “físico” também não é tão fácil né?! Foi por esses altos custos, e as dificuldades em administrar o próprio negócio, que fizeram com que a empresária Alessandra Rodrigues abandonasse sua loja física para investir em uma versão virtual.

Mas Alessandra contou com uma ajuda diferente, ela participou do projeto Primeiro E-commerce, lançado no ano passado pelo Sebrae. Alessandra abriu gratuitamente na internet a Design Papers Conviteria, uma empresa que oferece envelopes, papéis e soluções para quem quer fazer convites diferenciados. Em poucos meses, viu seu faturamento aumentar em mais de 50% em relação à loja física.

Graças ao projeto Primeiro E-commerce, que é resultado de uma parceria entre o Sebrae e o MercadoLivre para lançar uma nova ferramenta de apoio aos pequenos negócios, vários empresários como Alessandra conseguiram, no último ano, tirar do papel seu projeto virtual, às vezes engavetado pelos custos da operação e pela falta de conhecimento sobre a área. Até setembro de 2013, foram 5,8 mil cadastros completos no site, 3,7 mil lojas criadas, sendo 3,3 mil ativas no mercado, o que representa 91% do número de empresas criadas na web.

O projeto é uma plataforma tecnológica que permite a criação simples e gratuita de uma loja virtual para micro e pequenas empresas (inclusive MEI). Com a iniciativa, o empresário terá a oportunidade de inserir seus produtos no maior site de compras do país (Mercado Livre) e de ampliar seu negócio em âmbito nacional.

Visualmente, a plataforma contempla uma variedade de imagens de fundo, fontes de letras e paletas de cores a serem utilizadas para personalizar sua loja. Cada empresa pode fazer sua página eletrônica ou sua loja como desejar, criando sua própria identidade visual, inserindo fotos dos produtos e da marca. Para fazer o cadastro ou para maiores informações, basta acessar o www.primeiroecommerce.com.br. Não há custo para a montagem da loja, mas é cobrada uma taxa de 4,99% sobre o valor de cada venda. Esse preço permite a facilidade de usar uma estrutura de pagamento pronta com todas as bandeiras de cartão de crédito e com certificado de segurança, além de controle de estoque automático.

Existem outros benefícios como bônus em publicidade paga (MercadoAds), publicações no MercadoLivre e integração com redes sociais. O próprio SEBRAE recomenda que o lojista faça os cursos do SEBRAE, inclusive os on-line no site http://www.ead.sebrae.com.br/

Vale a pena conferir!

Até a próxima!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *